Marca da Clínica da Obesidade

Você sabia que a Obesidade afeta a vida sexual masculina?

Homem refletindo sobre como a obesidade está afentando sua vida sexual

51% dos brasileiros estão acima ou muito acima do peso e 37% deles admitem o uso de remédio para ereção*

Você pode tratar a Obesidade com uma equipe multidisciplinar e melhorar a sua vida sexual! Conheça a Clínica da Obesidade e o nosso tratamento saudável e sem intervenção cirúrgica

NÓS PODEMOS TE AJUDAR

Agende uma avaliação médica

Casal obeso se ajudando na luta contra a obesidade

O aumento vertiginoso do consumo de medicamentos para a disfunção erétil está diretamente ligado ao aumento da obesidade no mundo. O excesso de peso reduz a libido e prejudica diretamente o desempenho sexual.

RESULTADOS EM 4 SEMANAS

Homem obeso conseguindo fazer atividade física e ja percebe o resultado do seu esforço com o apoio da Cínica da Obesidade

Participando do nosso tratamento, em apenas 4 semanas, alguns pacientes chegam a perder em média 8% do peso e ainda podem eliminar ou diminuir medicamentos.

A obesidade afeta a saúde dos vasos e artérias e, consequentemente, a saúde sexual masculina, pois a ereção acontece devido à dilatação dos vasos que são irrigados com sangue. Problemas cardíacos também afetam a ereção porque o ganho de peso e a falta de exercícios estreita as artérias, nas quais o colesterol se deposita. Homens obesos também enfrentam a falta de testosterona, essencial para manter a ereção.

A Clínica da Obesidade tem médicos especialistas que poderão de ajudar

MARQUE AGORA UMA AVALIAÇÃO PARA MUDAR

ESTOU PRONTO

Problemas psicológicos causados pela obesidade, são um dos principais fatores que provocam dificuldades na hora do sexo. Por isso contamos com uma equipe completa de médicos, psicólogos, fisioterapeutas, educadores físicos, enfermeiros, farmacêuticos e outras especialidades que te ajudarão a emagrecer. Tudo isso para deixar corpo e mente sãos.

Homem possuindo obesidde mórbida sendo tratado pelo Clínica da Obesidade

Emagrecer ajuda a reduzir estes problemas e também melhora a auto-estima, contribuindo para uma vida sexual plena e satisfatória.

* Pesquisa realizada pela Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) com cinco mil homens